novembro 2009


      Vamos começar nos localizando, como eu havia dito em post anterior Palácio Topkapi, Santa Sofia e Mesquita Azul ficam incrivelmente próximos. Essa é uma foto tirada da entrada do Topkapi e aí estamos nós novamente olhando para a mesquita azul.

     O Topkapi é um daqueles lugares que você deve visitar,  mais ou menos como ir a Paris e visitar a Torre Eiffel. Vale à pena, claro……mas eu gostei muito mais do Palácio Dolmabahçe…..enfim, acho que você deve visitar os 2.

     O Topkapi foi construido por Mehmet II, logo após ter conquistado a então Constantinopla. Foi residência dos Sultões otomanos por quase 400anos, sendo substituído pelo  Dolmabahçe.  Atualmente tem “apenas” 80.000 m2 contra os seu 700.000m2 dos tempos de glória…..Foi aberto a visitação pública como museu em 1924. (dados retirados do guia da Folha de São Paulo e de um site do Ministério da Cultura da Turquia ).

     Obviamente o que mais impressiona no acervo do Topkapi são as jóias ca coroa. Infelizmente naa pode ser fotografado e é dificil de acreditar nas riqueza que compõe esse tesouro…..alguns exemplos ….exitem diamantes muito maiores do que você provavelmente sonhou que fosse possível de existir como o Kasikci com seus 86 quilates…..bom, ele pode ser o mais famoso mas não o único. Tronos revestidos de ouro, parecendo criações de filmes de hollywood. Realmente de deixar qualquer um de queixo caído.

     Só fiquei um pouco decepcionada com o Harém, acho que poderia estar melhor conservado.

     Se não me falha a memória acho que a entrada custa 20Lt e a entrada do Harém, embora obviamente dentro do complexo , é paga à parte umas 15Lt.

      Entre a acervo do Topkapi você também vai achar uma coleção de trajes imperiais, armas e armaduras, cerãmica ,vidro e prataria. Para ver todo o complexo com uma certa calma reserve no mínimo 3h. Segundo a guia da folha o horário de abertura é de quarta a segunda das 9:00 às16:30h e do Harém das 10:00 às 16:00h. Ao contrário do que diz o guia da folha, não necessitamos de reservas p/ visitar o Harém, é só chegar e comprar o ticket.

Anúncios

_DSC6731     Pode até parecer estranho e você deve estar se perguntando porque visitar uma cisterna???? Essa eu garanto vale à pena.  Se você está saindo da Santa Sofia vire a sua direita e cominhe em frente, atravesse a rua. Se ainda não identificou a entrada pergunte p/ qualquer pessoa, vão poder lhe indicar facilmente.

     Infelizmente não lembro o preço e novamente estamos sem site oficial. Dessa vez retirei informações do Guia Visual da folha de São Paulo:

Funcionamento de 8:30 às17:30 diariamente (out – Abr de 8:30 às 16h).

Você irá percorrer esses caminhos ouvindo música erudita……cuidado com a sua máquina ……alguns pingos podem molha-lha. Por falar em máquinas, para conseguir fotos legais esqueça o flash. O ideal ,mas que ninguém ou pelo menos a maioria não sai carregando por aí, é um tripé. Você não tem um??? tudo bem, nem eu. Quebrando um galho, faça o que eu fiz : usei a máquina no modo de foto noturna e apoiei no corrimão, algumas nem repirei durante o tempo de exposição (literalmente).

Falando um pouco da cisterna em si:  É sustentada por 336 colunas com mais de 8m de altura. A água é muito limpa e cheia de peixinhos. Atualmente apenas parte da estrutura original é visível, o resto foi fechado com tijolos no séc. IX.

_DSC6738

 

 

DSC06574     Saindo da Mesquita Azul vamos nos deparar com a Hagia Sofia e para entender um pouco sobre essa magnífica construção que já foi Igreja, mesquita, para finalmente ser convertida a um museu clique aqui e você será direcionado(a) p/ Wikipédia.

     Procurei bastante e acho que não existe um site oficial (se alguém o encontrar por favor me envie o link ) Então, vamos ter que nos contentar com as informações extra oficiais, porem confiáveis do Lonely Planet:

Aberta de 3f à Domingo de 9:00 às 17:00h (de Nov à Maio) e até às 19:30h (Jun à Out). A galeria superior fecha às 16:30h ou às 18:45h ( Jun à  Out). Bom…..não vá deixar p/ entrar tarde e chegando à cidade, se não decidir ir cedo, sugiro confirmar pessoalmente esses horários. Acredito que chegar cedo é uma boa pedida, porque mesmo fora da alta estação havia uma multidão de turistas no dia da minha visita.

     Eu paguei 20TL pelo ingresso e não lembro ao certo, mas acho não havia descontos p/ Estudantes (diferente da França, onde apenas um documento de identidade isentava jovens abaixo de 18 anos de quase todos os ingressos, na Turquia os poucos locais onde há descontos p/ estudantes exigem a carteirinha internacional). Existem dezenas de guias catastrados e que trabalham oficialmente na Santa Sofia, você com certeza será abortado por mais de um deles. Não tenho ideia de quanto custa , fiquei muito satisfeita com meu guia da folha.

     Não deixe de subir na galeria superior, é show poder ver tudo de cima e também um show à parte a subida, em que você vai percorrer rampas p/ chegar lá (pode não parecer muito divertido na hora), lembre que a construção data de mais ou menos 537….. o Brasil só tinha 37aninhos.

     Máquinas fotográficas e filmadoras são permitidas.

Desvendando Santa Sofia

Os literalmente divinos mosaicos bizantinos

Desvendando Santa sofia II

Visão da galeria superior

Desvendando a Santa Sofia III

DSC06511     A Mesquita Azul é dona de uma beleza de tirar o fôlego, é um daqueles lugares que você fala para si próprio quando chega “meu Deus não é que eu estou aqui e se belisca para ver se não está sonhando”.

    Não podemos esquecer quando visitamos a Mesquita Azul de que ela é realmente uma mesquita e que existem pessoas que realmente realizam suas orações regularmente dentro dela. Existem horário estabelecidos pela manhã e tarde quando a Mesquita está aberta a visitação. Como se trata de um local religioso existem regras a serem cumpridas por todos:

  • Mulheres devem usar um lenço ou véu na cabeça e evitar roupas muito abertadas ou justas.
  • Dar preferência a usar camisas com mangas compridas, ambos os sexos.
  • Casais de namorados evitem carinhos públicos ou serão chamados a atenção (eu pessoalmente vi isso acontecer e embora feito de forma polida, acho melhor dormir sem essa).
  • Todos deverão tirar os sapatos p/ entrar na mesquita e receberão saquinhos plásicos p/ carregar os mesmos.
  • Obviamente falar baixo e respeitar porque em geral ainda irão permanecer alguns fiéis orando

   DSC06563   

     Eu nunca havia entrado em uma mesquita e além da arquitetura espetacular do local, o que mais me encantou foi a tolerância mútua dos dois lados (turistas e mulçumanos), com um pouco de boa vontade, todos convivendo e respeitando os limites de cada um. Algumas mulheres retiraram o véu depois que entraram, não foram repreendidas ,mas eu pessoalmente desaprovo esse comportamento, afinal as portas da mesquita estão abertas p/ todos e não custa nada aceitas as regas do anfitrião pelo curto período da visita.

DSC06569

DSC07057

     A resposta a essa questão é das mais fáceis e óbvias, digira-se ao Sultanahmet onde você vai encontrar vários pontos turísticos interessantes. Como eu havia comentado em um post anterior Mesquita Azul e Santa Sofia (ou Hagia Sofia ou ainda Aya Sofya) ficam de frente uma para outra e o Topkapi atrás da Santa Sofia . Na mesma área você também achará a cisterna da Santa Sofia e o obelisco Egípcio.

DSC06984

     Todas essas maravilhas circundadas por uma boa estrutura de turismo, ou seja tram deixando você a alguns passos das principais atrações, máquinas ATM que vão garantir que você não ficará sem dinheiro p/ fazer aquele passeio e banheiros públicos, por 1 Lira você poderá usar um banheiro limpo e sem ter que pedir nenhum favor em algum restaurante. Quando eu vi tudo isso tive pena dos turistas que visitam o Rio, nossos governantes deveriam investir mais na questão estrutural…..mas esse é um outro papo….Enfim, p/ completar o show de cidade a população é muito calorosa e simpática, mesmo quando você não quer comprar alguma coisa.

DSC06503     Em Istambul há milhares de Taxis, são até parecidos com os nossos, amarelos e com uma plaquinha escrito Takxi. Na Turquia, ou pelo menos em Istambul, o uso do taxímetro é obrigatório e assim como no Brasil existem a tarifa diurna e uma noturna (a ser usada após a meia noite). Entrando no taxi certifique-se que o taxímetro está zerado, não exatamente porque igual as regras brasileiras eles já contam com algumas Liras para começar e se não me falha a memória são 4,5o. Alguns taxímetros trazem escrito a palavra gunduz (p/ o dia) ou número 1 e aksam (p/ noite) ou número dois. Obviamente a bandeirada noturna é mais cara, então fique ligado.

     Outro golpe manjado por lá, mas que funciona direitinho com turistas é receber uma nota de 50 Liras e devolver uma de 5 Liras dizendo que você se enganou. Fique atento….você não sairá do Brasil p/ ser ludibriado do outro lado do mundo.

     Mas p/ consolar todo mundo, quero dizer que durante minha estadia usei taxi algumas vezes e todos agiram cordialmente e honestamente. Ainda acredito que a maioria das pessoas são boas e honestas, mas não custa nada ficar atenta (o).

     DSC06719

Diferente de outras grandes cidades do mundo Istambul não tem um grande metro e se prepare porque os engarrafamentos são enormes……mas calma lembre de que você vai a turismo e que o stress deve ficar junto com os problemas no Brasil……

     Embora o metro não seja grande e não integre áreas realmente turísticas existem outras muitas formas de transporte pela cidade, incluindo Tram, trem, ônibus, taxis e até barcos……mas o principal meio de transporte nessa cidade são os pés…..não, não se trata de uma nova forma de tortura……mas garanto você vai andar quilometros e sem sentir, por que uma atração vai leva-lo a outras, depois a seguinte e assim por diante.

     A parte histórica de Istambul tem uma atração próxima a outra ,por exemplo a Hagia Sofia fica em frente a Mesquita Azul e atrás dela o Palácio Topkapi. Então, quando você chegar na região do Sultanahmet poderá fazer tudo à pé.  

     Eu sugiro que você fique hospedado próximo a linha do Tram (uma espécie de metro de superfície), irá facilitar e muito o seu deslocamento até as atrações e você se livrará do engarrafamento de carros, mas não do de pessoas. Os trans ficam lotados no horário do rush, então a ordem é levantar cedo ou ter paciência, você pode esperar pelo próximo eles passam em cada 5 a 7min mais ou menos. 

DSC06595

     Para andar no tram você terá que comprar o Jeton (1,5 YTL) e você poderá comprar em estandes sinalizados com essa placa aí acima. O jeton mais parece aquela fichas antigas de fliperama, mas feitas de plástico. Quando você desejar pegar o seu tram deverá passar por catracas inserindo o jeton.

     Resolvi colocar um mapa para tentar tornar as coisas mais fáceis:

RayliSistemler

com um click na imagem você será redirecionado para o site da empresa de transporte e poderá fazer download do seu mapa.

Próxima Página »